Centenário da Congregação Cristã no Brasil 1910 - 2010

William Batchelder Bradbury

Nasceu no dia 6 de outubro de 1816 em York, Maine. Faleceu no dia 7 de janeiro de 1868, em Montclair, Nova Jersey. Está sepultado no cemitério Bloomfield, em Bloomfield, Nova Jersey, E.U.A.

Seu pai foi regente de coral de York, no Estado de Maine. Aos catorze anos já era capaz de executar qualquer instrumento musical. Entretanto, só foi ver um órgão ou piano pela primeira vez, em 1830, quando seus pais se mudaram para Boston. Alí conheceu o Doutor Lowell Mason e, em 1834 já era conhecido como organista. Começou a ensinar em 1840 no Brooklyn, em Nova
York, onde obteve popularidade através da sua escola de canto gratuita e pelos seus concertos, onde os participantes, todos crianças, às vezes chegavam a 1.000. Em 1847 foi para a Alemanha, estudar harmonia, composição e música vocal e instrumental com os melhores mestres.

Em 1854, começou a Companhia de Piano Bradburry com seu irmão, Edward G. Bradbury, em Nova York. William Bradbury é conhecido como compositor e editor de uma série de coleções musicais para coros e escolas. Ele foi o autor e compilador de cinqüenta e nove livros. O primeiro livro foi publicado em 1841.

Em 1862, Bradbury encontrou a letra daquele que seria um dos hinos que o tornaria muito conhecido, "Jesus Loves Me", em um livro em que as palavras foram pronunciadas como um poema para confortar uma criança que está morrendo. Juntamente com a sua melodia, Bradbury acrescentou o seu próprio coro "Sim, Jesus me ama, Sim, Jesus me ama ..." Após a publicação, este cântico se tornou um dos mais populares nas igrejas de todo o mundo.
Hinos composto por ele:
084 - Quão amável é a Tua casa;
213 - Peregrino sou no mundo;
277 - O Santo Culto vai findar;
285 - Vim ao mundo de pecado;
345 - Com fé espera no Senhor;